Esportes (116)

Segunda, Jun 19 2017
Avalie este item
(0 votos)

Bem de família pode ser penhorado se devedor tenta burlar cobrança. Com base nesse entendimento, a Vara Única de Gurupi (TO) afastou a impenhorabilidade de bem por causa do abuso de direito do devedor, que tentava fraudar execução fiscal.

Após seu imóvel ser penhorado, o devedor acionou a Justiça para tentar o desbloqueio. Ele alegou que se trata de seu único imóvel e local de residência e, por isso, seria protegido como bem de família.

Entretanto, a Advocacia-Geral da União apontou que, após a citação na ação de execução, o devedor alienou dois imóveis em 2012 para adquirir somente um, no qual passou a residir para caracterizá-lo como bem de família. De acordo com os advogados, as transações foram feitas com duas finalidades: impedir sua penhora e não pagar o que lhe é cobrado.

Nessa situação, que alegaram ser de flagrante má-fé e de abuso de direito pelo devedor, os procuradores federais defenderam que deveria ser afastada a proteção legal da impenhorabilidade do bem de família.

A Vara Única da Subseção Judiciária de Gurupi aceitou os argumentos apresentados pela AGU e manteve a penhora do imóvel. “O executado dissipou seu patrimônio com a indisfarçável finalidade de não pagar o que lhe é cobrado, malferindo o princípio da boa-fé. Deveria o executado ter quitado a dívida com os valores recebidos quando da venda dos aludidos imóveis. Como não a fez, laborou, nessa ocasião, em fraude, e agora em abuso de direito, devendo o seu alegado bem de família ser penhorado”, destacou.

O juiz baseou seu entendimento em diversos precedentes do Superior Tribunal de Justiça. Segundo ele, a proteção do bem de família não pode ser utilizada para abarcar atos diversos daqueles previstos na Lei 8.009/1990. Assim, a proteção deve ser afastada “quando verificada a existência de atos fraudulentos ou constatado o abuso de direito pelo devedor que se furta ao adimplemento da sua dívida, sendo inviável a interpretação da norma sem a observância do princípio da boa-fé”, decidiu. Com informações da Assessoria de Imprensa da AGU.

Bem de família pode ser penhorado se devedor tenta burlar cobrança. Com base nesse entendimento, a Vara Única de Gurupi (TO) afastou a impenhorabilidade de bem por causa do abuso de direito do devedor, que tentava fraudar execução fiscal.

Após seu imóvel ser penhorado, o devedor acionou a Justiça para tentar o desbloqueio. Ele alegou que se trata de seu único imóvel e local de residência e, por isso, seria protegido como bem de família.

Entretanto, a Advocacia-Geral da União apontou que, após a citação na ação de execução, o devedor alienou dois imóveis em 2012 para adquirir somente um, no qual passou a residir para caracterizá-lo como bem de família. De acordo com os advogados, as transações foram feitas com duas finalidades: impedir sua penhora e não pagar o que lhe é cobrado.

Nessa situação, que alegaram ser de flagrante má-fé e de abuso de direito pelo devedor, os procuradores federais defenderam que deveria ser afastada a proteção legal da impenhorabilidade do bem de família.

A Vara Única da Subseção Judiciária de Gurupi aceitou os argumentos apresentados pela AGU e manteve a penhora do imóvel. “O executado dissipou seu patrimônio com a indisfarçável finalidade de não pagar o que lhe é cobrado, malferindo o princípio da boa-fé. Deveria o executado ter quitado a dívida com os valores recebidos quando da venda dos aludidos imóveis. Como não a fez, laborou, nessa ocasião, em fraude, e agora em abuso de direito, devendo o seu alegado bem de família ser penhorado”, destacou.

O juiz baseou seu entendimento em diversos precedentes do Superior Tribunal de Justiça. Segundo ele, a proteção do bem de família não pode ser utilizada para abarcar atos diversos daqueles previstos na Lei 8.009/1990. Assim, a proteção deve ser afastada “quando verificada a existência de atos fraudulentos ou constatado o abuso de direito pelo devedor que se furta ao adimplemento da sua dívida, sendo inviável a interpretação da norma sem a observância do princípio da boa-fé”, decidiu. Com informações da Assessoria de Imprensa da AGU.

 

Quarta, Fev 08 2017
Avalie este item
(0 votos)

Superando os sinais do tempo”. É com este lema que a aposentada Adriana Miranda se motiva a praticar musculação diariamente em uma academia localizada dentro do Clube Paulistano, no bairro dos Jardins em São Paulo. Lá, gasta cerca de duas horas e meia de seu dia esculpindo o corpo torneado que conquistou  após deixar o emprego como procuradora seis anos atrás. Agora, no auge dos 60 anos, ostenta o título de musa fitness da terceira idade.

“Sempre fiz muitos exercícios físicos, mas agora estou treinando mais forte e mais focada na alimentação. Também tenho feito uma dieta regrada”. Pela manhã, Adriana ingere ovos cozidos, frutas, tapioca com queijo “sem lactose”, que pode ser substituída por batata doce, um dos itens preferidos do cardápio.

Quem olha o abdome trincado da aposentada em seu perfil no Instagram, onde reúne quase 100 mil seguidores, deve imaginar que pratos muito calóricos passam longe de sua mesa. E está correto. “Não como fritura em hipótese alguma”. As exceções são sobremesas aos fins de semana, mas em quantidade bastante limitada. “Doce é minha maior tentação, amo de paixão, mas evito porque quanto mais você come, mais sente vontade”.

Antes de seguir uma dieta regrada, Adriana não tinha o abdome definido que atualmente ostenta na rede social. “Nunca fui gorda, mas tinha umas épocas em que ganhava mais peso”. O grande vilão era “chutar o pau da barraca” no fim de semana.  “Sempre digo que a alimentação é responsável por 80% do resultado, e apesar de já não ter mais aquela pele [jovial], sinto que meu corpo está melhor hoje”.

Manter a forma, para a aposentada, lhe garante não somente uma silhueta invejável, mas também faz bem para seu casamento. “Eu e meu marido vamos juntos para a academia, e ele malha muito, já foi atleta”.

E não é somente o marido que lhe dá apoio em casa para malhar. Seu filho Adriano Toloza também é adepto de um estilo de vida baseado na prática de atividade física. “Todos em casa têm uma alimentação saudável”, disse a aposentada, mãe de dois homens.

O rapaz, aliás, exibe a boa forma  na novela “Ouro Verde”, de Aguinaldo Silva, em exibição em Portugal. Para quem não se lembra, Toloza participou de “Verdades Secretas” como o personal trainer Igor, com quem a personagem de Guilhermina Guinle, Pia, teve um affair.

Adriana passou a mostrar sua vida nas redes sociais depois de ser aconselhada por amigas a abrir um blog contando como conquistou seu corpo. “Elas diziam que eu poderia dar algumas dicas e ajudar outras mulheres, e isto acabou sendo muito bom para mim", lembrou. "Fico contente quando as pessoas me dizem que estão se cuidando mais graças a mim”.

A aposentada também tem suas próprias inspirações, e se trata de ninguém menos do que a Bella Falconi. “Sempre gostei do jeito que ela treina, como se cuida, seu modo de vida", disse. Adriana ressalta que seguir alguém nas redes sociais tem por objetivo pegar algumas dicas, mas sem se sentir pressionada a ter o mesmo corpo de outra pessoa. "Não tenho essa coisa de querer ficar igual, não vou ter um corpo de 30 anos. Cada um tem sua faixa etária”.

 

Terça, Set 13 2016
Avalie este item
(0 votos)

Boa Esporte agora é vice-líder do grupo B. / Foto: Reprodução G1

O Boa Esporte se classificou para as quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, após vencer o Ypiranga-RS por 2 a 0, durante partida realizada no domingo (11), no estádio Melão, em Varginha. Agora com 32 pontos a equipe retomou a vice-liderança do grupo B.

Um dos gols marcados pelo time de Varginha foi do artilheiro Genesis. O rapaz, que já havia marcado 18 gols pelo Altos (PI), fez seu primeiro gol com a camisa boveta, aos 30 minutos do 1º tempo. O segundo gol da equipe foi marcado por Carlão aos 44 minutos, ainda no primeiro tempo.

Agora, às 16h do domingo (18), o time de Varginha jogará com Guaratinguetá, em Sertãozinho (SP). A partida acontece apenas para cumprir tabela, já que o Guaratinguetá já está rebaixado e a equipe boveta, classificada, não pode mais ser alcançada pelo 5º colocado.

Alfenas sediará Circuito Sul Mineiro de MMA e K1 Featured
Sexta, Ago 12 2016
Avalie este item
(0 votos)

No sábado (13), será realizada em Alfenas a 1ª etapa do Circuito Sul Mineiro de MMA e K1/Muay Thai. As lutas acontecerão na Academia Cross Fight.

Alfenas goleia Machado em casa e garante 1˚ lugar da chave na 1ª fase da Copa Alterosa Featured
Sexta, Jul 29 2016
Avalie este item
(0 votos)

A seleção de futsal de Alfenas goleou DEC/Semesp Machado por 6 a 2 e garantiu a 1ª colocação na Chave D. A partida, a última da 1ª fase da Copa Alterosa, foi na noite de quinta-feira, diante da torcida alfenense, no Ginásio Tancredo Neves.

ATLETA DO FUTSAL DE ALFENAS SERÁ HOMENAGEADO PELA TV ALTEROSA E AROA. Featured
Quinta, Jul 28 2016
Avalie este item
(0 votos)

Rodrigo de Paula Costa, é atleta do Pinheirense Futsal  e Seleção de Alfenas de Futsal, atleta com maior currículo em jogos regionais da cidade de Alfenas e região do sul e sudoeste de Minas gerias na categoria Adulto. É também considerado o atleta responsável por tamanha evolução do futsal  de Alfenas, principalmente nas jogadas ensaiadas e jogadas táticas na parte ofensiva do Pinheirense Futsal e seleção de Alfenas. O atleta que mais representou  ALFENAS em todas modalidades esportivas, e que mais treinou e jogou no ginásio municipal de Alfenas.

Publicidade